quinta-feira, fevereiro 22, 2024
InícioAmazonasWilson Lima lança editais da Fapeam e destaca mais de R$ 634...

Wilson Lima lança editais da Fapeam e destaca mais de R$ 634 milhões em aportes para ciência 

O governador Wilson Lima lançou, nesta quinta-feira (25/01), seis novos editais de programas coordenados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) e, na ocasião, destacou que nos últimos cinco anos o Governo do Estado investiu mais de R$ 634 milhões em Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I).

“A gente tem feito um investimento significativo nessa área desde 2019. Foram investidos aproximadamente R$ 630 milhões e a minha grande preocupação foi popularizar a ciência, levar para todos os municípios do estado do Amazonas, tanto que todos os 62 municípios foram contemplados com esses investimentos”, destacou Wilson Lima.

Com R$ 49,2 milhões de investimentos, os editais lançados hoje são voltados a programas que beneficiam professores e estudantes da educação básica, alunos da graduação e em níveis de mestrado e doutorado, além de projetos destinados à popularização da ciência, pesquisa e extensão, a serem desenvolvidos na capital e no interior.

O anúncio foi feito na sede da Fapeam, bairro Flores, zona centro-sul de Manaus. Os editais estarão disponíveis, a partir de 14h desta quinta-feira, no site www.fapeam.am.gov.br. Serão apoiados cerca de 800 projetos e concedidas mais de cinco mil bolsas de ensino e pesquisa a estudantes e professores dos vários níveis de educação.

“O maior ganho desses investimentos que nós estamos fazendo aqui é o conhecimento que estamos construindo a partir da Ciência, Tecnologia e Inovação, principalmente em se tratando de uma região que é a amazônica em que a gente precisa cada vez mais de soluções, em especial para aquelas pessoas que estão nas áreas mais afastadas”, reforçou Wilson Lima.

Participaram da solenidade de lançamento dos editais o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), Serafim Corrêa; a diretora-presidente da Fapeam, Márcia Perales; os reitores da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), André Zogahib, do Instituto Federal do Amazonas (Ifam), Jaime Cavalcante, e a vice-reitora da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Therezinha Fraxe; e representantes de outras instituições de pesquisa do estado.

O investimento é destinado aos programas Ciência na Escola na Escola (PCE); Apoio à Iniciação Científica do Amazonas (Paic-AM); Apoio à Pós-Graduação Stricto Sensu (Posgrad); Apoio a Projetos de Pesquisa e Extensão em Áreas Estratégicas para o Estado do Amazonas – PEX-CT&I/Fapeam; Apoio à Realização de Eventos Científicos e Tecnológicos no Estado do Amazonas (Parev) e o de Apoio à Popularização da Ciência, Tecnologia e Inovação (POP-CT&I).

“O Amazonas tem o olhar de que precisa investir em Ciência, Tecnologia e Inovação. Esse é o caminho, sob pena de perdermos aquilo que temos“, avaliou o secretário da Sedecti, Serafim Corrêa.

Foto: Alex Pazuello / Secom

Investimentos em CT&I

Desde o ano de 2019, o Governo do Amazonas reposicionou a Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) como área prioritária para o desenvolvimento econômico e socioambiental do estado. De 2019 a 2023, o Governo do Amazonas, por meio da Fapeam, já investiu R$ 634,4 milhões em CT&I no estado. Os investimentos alcançaram todos os 62 municípios do Amazonas.

“O Amazonas está completamente fora da curva. Desde 2019, o governador Wilson Lima reposicionou a área de CT&I como estratégica, como prioritária, como estruturante para o desenvolvimento do estado. Então, desde 2019, nós estamos vivendo há cinco anos uma fase de muito investimento e, mais do que isso, ele acredita na ciência, valoriza o trabalho dos pesquisadores amazonenses, e isso é muito importante”, afirmou a diretora-presidente da Fapeam, Márcia Perales.

Nesse período, mais de 110 editais, resoluções e chamadas públicas foram lançadas. Foram beneficiados mais de 6.700 pesquisadores e mais de 12 mil projetos de pesquisa foram apoiados, por meio de programas coordenados pela Fapeam. Um deles é o PCE, que concedeu mais de 15 mil bolsas para professores e estudantes da capital e interior nos últimos anos.

De 2019 a 2023, já foram concedidas mais de 4 mil bolsas em níveis de mestrado e doutorado. São mais de 1,7 mil novos mestres e doutores titulados no estado, com apoio da Fapeam, que impactam em novas competências técnico-científicas instaladas no Amazonas. O investimento nessa área pelo Governo do Amazonas posicionou o estado por três vezes consecutivas com o 1º lugar no Brasil em investimentos em recursos humanos altamente qualificados, com verba do tesouro estadual.

A Fapeam também está entre as cinco agências de fomento à ciência que mais financia o desenvolvimento de pesquisas sobre a Amazônia no mundo. Os dados são do artigo “A Produção Científica sobre Amazônia”, levantados pelo cientista Carlos Henrique de Brito Cruz, publicado na revista científica Elsevier, 2023. Com os investimentos foi possível, também, realizar mais de 280 eventos científicos, por meio dos programas POP-CT&I e Parev, para popularização da ciência.

- Publicidade -spot_img

Siga nossas Redes

Últimas Notícias

- Publicidade -spot_img
spot_img

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui